Setembro Azul: Centro de Auditivo de Petrolina é referência no Sertão com mais de 10 mil usuários cadastrados

O nono mês do ano também é conhecido como Setembro Azul, isso porque faz alusão a conscientização sobre os direitos e a inclusão das pessoas surdas. A última semana completa do mês é reconhecida como a Semana Internacional dos Surdos, que foi comemorada pela primeira vez, em 1958, em Roma, na Itália, em uma iniciativa da WFD – World Federation of the Deaf. No Brasil, segundo o IBGE, o número de pessoas surdas passa dos 10 milhões.

Em Petrolina, o Centro Auditivo atende diariamente cerca de 70 pacientes de 30 cidades da região do Sertão e tem investido, a cada dia, na promoção da qualidade de vida das pessoas com deficiência auditiva, oferecendo atendimento médico e exames especializados como, Audiometria, Teste da Orelhinha, Testes de Prótese Auditivas, atendimento social e psicológico, entrega de aparelhos auditivos e assistência técnica destes aparelhos. Além disso, também é oferecido curso básico de libras, tanto para deficientes auditivos, quanto para seus familiares e pessoas da comunidade.

Segundo a coordenadora do Centro Auditivo Municipal, Luciana Queiroz, o local possui mais de 10 mil usuários cadastrados, destes, 6.755 são deficientes auditivos e 1.017 surdos. “Nos preparamos para atender o máximo de pessoas possível, oferecendo o melhores serviços a elas, pois sabemos da sua necessidade, da sua deficiência. Somente nos últimos seis meses nossa Unidade já beneficiou mais de 860 pessoas com aparelhos auditivos. É nossa obrigação, não somente como profissionais, mas também como pessoa, não medir esforços para garantir os seus direitos e uma sociedade mais inclusiva com quem tem deficiência auditiva”, enfatiza destaca Luciana Queiroz.

COMPARTILHAR