Setembro Amarelo: Saúde mental é discutida em escolas de Petrolina

O mês de setembro é dedicado à campanha nacional de prevenção ao suicídio, denominado Setembro Amarelo. Assim, a Secretaria de Saúde de Petrolina, em parceria com os profissionais do Núcleo de Ampliado de Saúde da Familia (NASF) e Secretaria de Educação, continua com intensa programação diária e com a realização de ações de conscientização em alusão a data em diversas Unidades de Saúde e Educação do município.

Abordando o tema “Rede de Cuidados de Saúde Mental”, a programação teve continuidade nessa terça-feira (13), na Escola São Domingos, no bairro Gercino Coelho. Na unidade, foram realizadas atividades e dinâmicas que incluíram o acolhimento e os desafios dos profissionais nos cuidados da saúde mental no âmbito escolar do município.

Para a psicóloga do NASF-AB, Thalita Castro, o retorno às aulas presenciais, que estiveram suspensas durante um período por conta da pandemia, trouxeram muitos desafios relacionados à saúde mental. “Essa articulação entre a saúde e a educação é primordial para criar espaços de cuidados, tanto para profissionais, quanto para alunos. Divulgar a rede de atenção psicossocial do município possibilita com que, juntos, possamos desenvolver estratégias para o fortalecimento das nossas potencialidades. Esse espaço para cuidar, também dos profissionais é, sem dúvida, muito importante”, enfatiza Thalita Castro.

COMPARTILHAR