Prefeitura entrega mais de 300 certificados de cursos profissionalizantes a moradores do Vivendas

Com o mercado de trabalho cada vez mais competitivo, a qualificação profissional se torna um diferencial para conquistar o tão sonhado emprego. Por isso, a noite desta quarta-feira (17) foi bastante significativa para os moradores do Residencial Vivendas, em Petrolina que se qualificaram em diversos segmentos e receberam seus certificados através da parceria entre a prefeitura e a empresa Projesol. Os cursos fazem parte do Plano de Desenvolvimento Socioterritorial (PDST) do Programa Minha Casa Minha Vida.

Mais de 300 pessoas estão aptas a iniciarem os trabalhos com doces e salgados, além de designers de sobrancelhas, manicures, artesãos de pedrarias em sandálias, operadores de caixa, cabeleireiros e barbeiros. Denis da Silva Nogueira, por exemplo, após o curso de doces e salgados, montou um trailer para vender seus produtos pertinho de casa. “Essa qualificação foi ótima para que aprendesse receitas novas para trazer para os meus clientes. Fico muito feliz de poder ter meu próprio negócio e meus clientes. Já estou com ideias até para expandir o trailer”, diz.

Outra aluna que estava feliz da vida era a Kalline dos Santos Silva, que, apesar de já ser cabeleireira, viu no curso a oportunidade de ampliar seus conhecimentos. “Depois de participar do curso percebi um aumento de clientes, pois aumentei a confiança em meu trabalho e aprimorei meus conhecimentos”, narrou.

A secretária-executiva de Juventude, Direitos Humanos, Mulher e Acessibilidade, Bruna Ruana, destacou que a ação faz parte do programa Qualifica Petrolina, lançado pelo prefeito Miguel Coelho em 2017. “É uma preocupação tanto do prefeito, quanto do secretário Jorge Assunção qualificar, cada vez mais, nossos jovens, auxiliando-os a empreender, ter o diferencial no currículo e assim serem inseridos no mercado de trabalho. Já qualificamos mais de 3.000 pessoas e estamos sempre abrindo novos cursos”, explica.

SOBRE O PDST

A iniciativa é um convênio da Prefeitura de Petrolina com a Caixa Econômica e Ministério das Cidades, cujo investimento é da ordem de R$ 1,7 milhão. Os moradores terão acesso a cursos profissionalizantes de mecânica, frentista, manicure, bordado, maquiagem, atividades esportivas e pedagógicas para crianças entre outras. Também está prevista a preparação dos moradores para formar uma associação e organizar melhor a relação condominial das habitações para evitar conflitos e assegurar uma convivência tranquila.

Fotos: Alexandre Justino

COMPARTILHAR