Petrolina investe em coletes à prova de bala para a Guarda Civil

Pela primeira vez na história de 25 anos da Guarda Civil de Petrolina, os agentes serão equipados com coletes balísticos. O prefeito Miguel Coelho entregou, nesta segunda (18), os primeiros de 120 equipamentos comprados para proteger as vidas dos guardas. O material foi adquirido por cerca de R$ 130 mil e faz parte do plano de reestruturação para fortalecer a corporação.

Os coletes na cor preta já estão disponíveis para os guardas. As peças se somam aos novos uniformes entregues e à frota de 35 veículos como medidas para melhorar as condições de trabalho da corporação. Ainda estão previstas a criação do Centro de Estudos e Pesquisa, a entrega de armamentos e a convocação de novos profissionais via concurso público.

No ato realizado na sede da Guarda, o prefeito Miguel Coelho destacou a valorização que tem sido dada à Guarda como uma política pública municipal para tratar a segurança como prioridade da Prefeitura. “Só vocês, que estão nas ruas pondo a vida em risco, sabem a importância desses coletes. Para alguns pode não ser muito, mas para vocês traz mais tranquilidade para trabalhar. Nosso compromisso tem sido dar condições para que toda a Guarda possa ajudar na proteção de Petrolina. Finalmente, nossa cidade está enfrentando essa questão de frente, pois quando investimos na corporação, estamos protegendo o que há de mais importante, a vida das pessoas”, defendeu Miguel.

A cidade tem alcançado expressivos resultados na segurança pública por meio de investimentos no setor. Em avaliação do Ministério Público de Pernambuco, Petrolina aparece como 5º lugar entre os municípios mais pacíficos do Estado.

COMPARTILHAR