Orla Nossa: prefeitura inicia recuperação da margem do Rio São Francisco

Um programa desenvolvido pela prefeitura está transformando a margem do Rio São Francisco, em Petrolina. Além de melhorar a qualidade da água, as ações desenvolvidas através do ‘Orla Nossa’ também vão permitir a recuperação de 12 hectares da mata ciliar a qual vai receber  6.365 plantas nativas da Caatinga.

Nesta primeira fase, será feita a limpeza e o controle das algarobas, plantas que não pertencem ao bioma local, também haverá a preparação do terreno para instalação do sistema de irrigação. Em seguida, serão plantadas espécies arbóreas e arbustivas, como ingazeira, marizeiro, jatobá, juazeiro, tamboril, caraibeira, mulungu, umburana de cheiro, entre outras espécies.

O Plano de Recuperação de Área Degradada (PRAD) teve as atividades retomadas após alterações técnicas no projeto de execução solicitadas pelo Ministério Público Federal (MPF).  A área em recuperação compreende toda região da Orla II que vai desde o Círculo Militar até o último restaurante da via. O trecho é completamente cercado para delimitar e proteger o local.

 

“Foi necessária uma mudança no projeto para que fosse adequada a metodologia, a quantidade de mudas e espécies visando um maior equilíbrio ecológico e a melhor maneira de recuperar a mata ciliar, após anos de múltiplas agressões do homem. Agora, vamos plantar 865 árvores a mais”, explica o diretor de projetos da Agência Municipal do Meio Ambiente, Victor Flores.

 

O ‘Orla Nossa’ é um programa da Prefeitura de Petrolina, com execução da Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA) e da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação.

COMPARTILHAR