Escolas de Tempo Integral se consolidam na formação ampla dos estudantes da rede de Petrolina

Um dos avanços que destacam a Educação de Petrolina em todo o Brasil, é a implantação das Escolas de Tempo Integral. A iniciativa está cada dia mais consolidada no município, ofertando aos 2.085 estudantes atendidos um ensino e infraestrutura de qualidade. Com novas propostas pedagógicas e o incentivo ao desenvolvimento de novas habilidades, a procura por matrícula nestas unidades de ensino é cada vez maior. Os estudantes que buscam por essa modalidade de ensino são estimulados pela jornada ampliada e suas inúmeras possibilidades de estudo e metodologias.

Dividido em dois turnos e com uma jornada escolar de nove horas, a política de Educação Integral acontece atualmente em sete escolas de Petrolina: Monsenhor Bernardino, Juarez Canejo, São Domingos Sávio, Anézio Leão, Paul Harrys, Miguel Arraes e José Fernandes Coelho. Considerada uma das prioridades pela administração municipal, as escolas contam com uma estrutura especial que proporcionam aos estudantes, além das aulas que constam no currículo escolar, oportunidades para aprender e desenvolver práticas, que no futuro contribuirão bastante no planejamento e execução do seu projeto de vida.

Outro ponto trabalhado nestas unidades de ensino é o protagonismo juvenil. Nesse modelo, os estudantes entendem que só eles podem escrever sua própria história. O secretário executivo do Programa de Educação Integral, Moisés Almeida, explica que muito desse protagonismo é alcançado com as disciplinas eletivas, quando o próprio aluno escolhe o que fazer nas atividades interdisciplinares e inovadoras. Isso proporciona aos estudantes conquistarem a autoconfiança, autodeterminação, autoestima e autonomia, que são elementos imprescindíveis ao gerenciamento de suas habilidades e competências.  Moisés ainda ressalta que as experiências de muito êxito nas sete Escolas Integrais têm ultrapassado as barreiras geográficas e inspirado muitas cidades que buscam aplicar a mesma metodologia em suas instituições.

Petrolina tem recebido constantemente a visita de muitos municípios para um período de intercâmbio de conhecimentos, ideias, projetos e claro, para conhecer de perto o cotidiano dos estudantes, bem como a estrutura das unidades de ensino. Nossas instituições são exemplos para muitos estados. Aqui colocamos o aluno no centro, construindo toda a abordagem e metodologia a partir de quem ele é, e quem ele sonha ser. Desta forma, os estudantes sentem mais prazer em estudar, pois são estimulados diariamente e isso reflete diretamente nos indicadores educacionais. Além disso, a gestão tem investido bastante na Educação Integral, dado todo o incentivo para ampliar esse modelo de ensino, para atender cada vez mais a população”, enfatizou Moisés.

COMPARTILHAR