Educadores discutem Projeto Político Pedagógico para melhorar educação

Profissionais que atuam nas unidades de educação infantil da rede municipal de Petrolina estarão reunidos, até está quinta-feira (3), para discutir a implementação do Projeto Político Pedagógico (PPP) com foco no ano letivo de 2020. A formação é voltada, inicialmente, para as coordenadoras do Programa Nova Semente e tem a proposta de fortalecer uma ação pedagógica eficaz no município.

De maneira lúdica e descontraída, a equipe de supervisoras pedagógicas da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes está apresentando a construção do PPP como marco principal para o bom desenvolvimento das práticas educacionais. Durante todos os dias, os personagens de histórias infantis como a bruxa Malévola; o Lobo Mau; a Branca de Neve e os Sete Anões; o Soldadinho de Chumbo e vovó Benta, se revezaram alegremente, no intuito de desmistificar a difícil tarefa de um documento democrático, com a participação de todos os envolvidos no cenário da Educação, para ser implementado na busca de uma ação pedagógica eficaz.

É preciso compreender que este referido documento define todas as ações pedagógicas e serve como referencial para guiar o trabalho dos profissionais da educação infantil em suas devidas unidades, bem como a inserção da comunidade no âmbito escolar. De maneira lúdica, a formação aponta caminhos em busca do entendimento mais preciso desse “personagem” bastante falado nos vários espaços democráticos da educação”, ressalta Poliana de Castro, secretária executiva da Primeira Infância.

Hoje, o município de Petrolina conta com 161 instituições que atende Educação Infantil Que estão distribuídas em 39 unidades do Nova Semente, 37 CMEIS e 47 escolas com turmas de pré-escola (atendimento infantil). No total, mais de 17 mil crianças são atendidas, na faixa etária dos 6 meses a 5 anos.

COMPARTILHAR