‘Calçadão Bahia’ é palco de apresentação da Philarmônica 21 de Setembro

A agitação diária do Calçadão Valdemar Costa, popularmente conhecido como ‘Calçadão Bahia’, deu espaço na noite desta quinta-feira (22), aos instrumentos e músicos da Philarmônica 21 de Setembro. Quem passava nas imediações do local, logo foi atraído pelo som da orquestra. Com repertório rico em canções populares, a apresentação, que faz parte do projeto ‘Concertos Populares’ da Prefeitura de Petrolina, encantou quem adiou a ida para casa.

Regida pelo maestro Maicon Novaes, a orquestra fez o público relembrar sucessos de artistas como Sandy e Junior; Pixinguinha; e o Grupo Roupa Nova. Durante cerca de 50 minutos, a sinfonia ecoou no centro da cidade atraindo várias pessoas. Uma delas foi o agente de trânsito, Roberto Santos, que fez uma pausa na volta para casa para acompanhar e registrar o evento. “Achei maravilhosa essa apresentação. A música nos faz relaxar, nos faz renascer de novo. É muito bom poder assistir um show de música orquestrada assim”, destaca.

Para o secretário executivo de Cultura, Cássio Lucena, a escolha do local dos Concertos Populares no mês de agosto não poderia ser diferente. “Os nossos Concertos Populares foram pensados para acontecer na Orla Fluvial, que é um espaço democrático onde muitas pessoas circulam. Por conta das obras de requalificação do nosso principal ponto turístico, pensamos em levar, temporariamente, as apresentações para o coração da cidade no Calçadão Valdemar Costa, o Calçadão Bahia. O local foi escolhido não só por ser o coração pulsante do comércio, mas pela relevância cultural e histórica que tem“, ressalta.

Quem perdeu a primeira noite de apresentações do mês de agosto, já pode se programar. É que na próxima quinta-feira (29), também no ‘Calçadão Bahia’, a partir das 18h, a Camerata 21 de Setembro fará um show gratuito.

Repertório na tela – A Secretaria Executiva de Cultura traz uma novidade neste mês de agosto. A partir de agora, quem deseja acompanhar os projetos e programações culturais coordenados pela pasta, poderá, fazê-lo através da leitura de um código de QR Code, que está disponível nos folhetos entregues durante as apresentações. A ideia é que a população possa ficar por dentro de tudo que vem sendo desenvolvido no cenário cultural do município.

Fotos: Jonas Santos

COMPARTILHAR