Beneficiários de programas sociais terão mais 120 dias para atualizar dados

Beneficiários de programas sociais, que deveriam comparecer à Casa Bolsa de Petrolina no mês de abril para recadastramento, ganharam mais 120 dias para o processo. Esta é uma das medidas preventivas que estão sendo tomadas para evitar o deslocamento de pessoas. Em Petrolina, a prefeitura está mantendo a Casa Bolsa em regime de escala para atender apenas as pessoas que estão com os benefícios cancelados ou bloqueados, além de suspender o atendimento de idosos, grupo de risco do COVID-19.

“As pessoas que haviam recebido o chamado para recadastramento em abril, devem aguardar em suas casas. A medida foi tomada para que a população não precise se deslocar e evitar o contágio com o COVID-19. Como determinação do decreto municipal, reduzimos a quantidade de pessoas atendidas no local a fim de evitar aglomeração”, afirma o secretário de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Jorge Assunção.

Para os casos  urgentes relacionados ao BPC, a orientação é que um familiar, que não seja idoso, possa ir até o equipamento mediante contato prévio através do telefone (87) 3863-6871. Os demais atendimentos, desde que sejam urgentes, estão sendo atendidos através de agendamento, com horário marcado, através do site agendasocial.petrolina.pe.gov.br ou pelo telefone.

O equipamento público fica na Avenida Tancredo Neves, nº 1019, centro, próximo ao Centro de Convenções.

COMPARTILHAR