Atletas de Petrolina tem final de semana repleto de conquistas no esporte

O fim de semana dos atletas da Associação Petrolinense de Atletismo(APA), foi mais um daqueles para ficar guardado na memória. Foram várias conquistas e feitos importantes dos esportistas, que a cada dia ultrapassam as fronteiras do sertão pernambucano e não se cansam de adquirir medalhas importantes. Dos destaques, a referência em paratletismo, Samira Brito, garantiu medalha de ouro na prova dos 100 metros rasos e prata nos 200 metros, na categoria T36- Paralisia Cerebral, no Grand Prix de Marrakesh, no Marrocos. Na mala de viagem, a jovem de 32 anos, carregou além dos sonhos e expectativas, a bandeira de sua Terra Natal que tanto ama e exibe com orgulho.

Quem também brilhou e conquistou mais uma medalha de ouro para sua grande coleção, foi o atleta Justino Pedro, na Meia Maratona Internacional de Goiás. Já Núbia Oliveira, foi vice-campeã na prova dos 10 mil metros do Campeonato Brasileiro sub-23; Henrique Pereira foi vice-campeão do Campeonato Brasileiro sub-23 de Decatlo e Elisabete dos Santos, a 3ª colocada na prova dos 3 mil metros com obstáculos. O atleta Rafael Silvestre garantiu o 1º lugar na prova de 10km da Corrida da Agrovale, em Juazeiro, enquanto Laércio Lima, conquistou o ouro nos 5km.

O secretário Executivo de Esportes, Jerfferson Correia, destaca que a Prefeitura de Petrolina está trabalhando de forma intensa para o fomento à prática esportiva no município. “Prestes a completar 127 anos de emancipação política, no dia 21 de setembro, o município de Petrolina tem muito o que comemorar. Um dos motivos é o incentivo e valorização ao esporte em todas as modalidades. Estamos muito orgulhosos e felizes por termos vários atletas representando e levando o nome da nossa cidade a grandes eventos”, ressaltou o secretário Executivo de Esportes, Jerfferson Correia.

A Associação Petrolinense de Atletismo (APA), conta com o apoio financeiro da Prefeitura de Petrolina, por meio da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, através de convênio firmado no valor de R$150 mil. O incentivo, concedido desde 2017, auxilia a equipe esportiva nas despesas em competições, como também na filiação dos atletas junto ao Comitê Brasileiro de Clubes (CBC), e outras atividades administrativas.

COMPARTILHAR