Abertas inscrições para projeto ‘Mulheres da Paz e Protejo’

Petrolinenses engajados no combate à violência contra as mulheres já podem se mobilizar: a Prefeitura de Petrolina está com inscrições abertas para o processo seletivo do projeto “Mulheres da Paz e Protejo”, que visa selecionar e capacitar jovens entre 15 e 24 anos para atuação na comunidade, com o objetivo de fortalecer a rede de enfrentamento contra a violência. Os projetos fazem parte do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (PRONASCI).

As inscrições coordenadas pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SEDESDH) tiveram início nesta quinta-feira (24), após publicação no Diário Oficial, e seguem até a próxima terça-feira (29).  Interessados  devem levar à sede da Secretaria Executiva de Juventude, Direitos Humanos, Mulher e Acessibilidade  RG,CPF, comprovar residência em um dos bairros listados: Alto do Cocar, Cacheado, Cohab Massangano, Jardim Amazonas, Jardim São Paulo, Pedro Raimundo e Vale do Grande Rio e comprovar renda de até dois salários mínimos. Tanto para as mulheres, quanto para jovens, é necessário uma disponibilidade de 16 horas semanais.

O projeto selecionará 50 mulheres e 75 jovens, que terão o objetivo de prevenção à violência doméstica e de gênero, prevenção da violência juvenil e mobilização comunitária, dentre outros. O governo federal concederá bolsas de auxílio para os participantes dos projetos: R$ 190 Mulheres e R$ 100 jovens.

Outras informações constam no edital publicado no Diário Oficial do Município desta quarta-feira (23) ou na Secretaria Executiva de Juventude, Direitos Humanos, Mulher e Acessibilidade – Av. Gilberto Freire, S/N, Vila Mocó, no período de 24 a 29 de outubro das 8h às 12h e 14h às 17h. O telefone para contato é  (87) 3862-1508.

Foto: Divulgação PMP

COMPARTILHAR