BCG: Petrolina segue recomendação e informa que criança sem marca de vacina não precisa ser revacinada

Melhor prevenção contra as formas graves de tuberculose, a vacina BCG deve ser tomada logo nos primeiros dias de vida, na maternidade, de acordo com critérios estabelecidos, ou em alguma sala de vacina do município.

A imunização costuma deixar a famosa ‘marquinha’ no braço direito e justamente a ausência desta marca era um requisito para a revacinação. Mas, isso mudou após uma recomendação da Portaria 10/2019, enviada aos municípios pelo Ministério da Saúde, a qual esclarece que não há mais necessidade de revacinação.

A decisão está de acordo com as novas determinações da Organização Mundial de Saúde, que em estudo, comprovou que a ausência da cicatriz não indicava ausência de proteção contra a tuberculose, por isso não havia a necessidade de uma nova dose da vacina. Em Petrolina, a imunização BCG está disponível em algumas unidades de saúde, através de um cronograma semanal.

“Diferente das outras imunizações, a BCG tem uma vida útil de apenas seis horas após aberto o frasco, que possui 10 doses. Então, visando a otimização do número de doses  repassados ao município via regional saude, nós utilizamos a vacina em dias e unidades de saúde específicas, para assim não perdermos uma quantidade grande de doses”, explica Marlene Leandro, Secretária-Executiva de Vigilância em Saúde.

Confira o cronograma de vacinação da BCG em Petrolina:

Segunda-feira

Unidade Maria de Lourdes (Antônio Cassimiro)- manhã e tarde

Unidade Dr. Gaudêncio (Jardim Amazonas)– manhã e tarde

Unidade Roza Maria Ribeiro (Gercino Coelho) – manhã

Unidade Hildo Diniz (N-8) – manhã

Terça-feira

Unidade Leonor Elisa (Dom Avelar) –manhã

Unidade Amália Granja (Vila Mocó) – manhã e tarde

Unidade Lia Bezerra (José e Maria) – tarde

Unidade Plínio Amorim (Rajada) – manhã

Quarta-feira

Unidade Manoel Possídio (Areia Branca)- tarde

Unidade Josefa de Souza (Pedra Linda)- manhã

Unidade Maria do Socorro Gil (Ouro Preto) – manhã

Unidade Isaac Cordeiro (Izacolândia) – manhã

Unidade Gildevânia (N-5) – manhã

Quinta-feira

Unidade Leonor Elisa (Dom Avelar) –manhã

Unidade Ricardo Soares (Cohab Massangano) – tarde

Unidade Lia Bezerra (José e Maria) – tarde

Unidade Bernardino Campos (Vila Eduardo)- tarde

Sexta-feira

Unidade João Moreira (Henrique Leite) – manhã e tarde

Unidade Júlio Andrade (Cacheado) – manhã e tarde

Unidade Josefa de Souza (Pedra Linda ) – manhã

COMPARTILHAR