Ampliado prazo para uso do atual cartão BIP nos novos ônibus

Os petrolinenses que fazem uso do atual cartão BIP terão ainda mais tempo para utilizar  os créditos disponíveis neste bilhete eletrônico. Após acordo com a nova empresa que passa a operar na cidade no próximo domingo, 1º de dezembro, a prefeitura conseguiu ampliar o prazo de validade do BIP que pode ser utilizado até o dia 8 de dezembro.

De acordo com a Autarquia Municipal de Mobilidade (Ammpla), a medida foi adotada para reduzir os transtornos e permitir que os usuários possam utilizar eventuais saldos  ainda disponíveis. O alerta porém, é sobre a necessidade de fazer a substituição do atual BIP pelo novo cartão SIM: apesar da ampliação do prazo de validade do BIP, é preciso que todos os usuários façam a troca do BIP pelo novo SIM.

O “Cartão SIM” pode ser solicitado, gratuitamente, realizando o pré-cadastro pelo site: www.simpetrolina.com.br, também é possível fazê-lo, presencialmente, no guichê de atendimento do ‘SIM Petrolina’ no Expresso Cidadão de segunda à sexta das 8h às 20h ou aos sábados das 8h às 14h. Os usuários do passe comum podem solicitar o novo cartão em qualquer um dos Pontos de Vendas (PDVs) espalhados pela cidade, apenas mediante apresentação de documento pessoal RG e CPF.

Ainda há atendimento presencial para os usuários e empresas para confeccionar os cartões no Centro de Convenções de domingo a domingo das 6h às 22h. Dúvidas através do número: (87) 3864-2750.

Passe Livre – As pessoas com necessidades especiais receberão seu cartão na Secretaria Executiva de Juventude, Direitos Humanos, Mulher e Acessibilidade na Avenida Gilberto Freire, S/N, Vila Mocó. O telefone para contato é (87) 3862-1508.

Já os idosos farão a troca dos cartões por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos e a recomendação é que eles aguardem o início deste atendimento que fica suspenso temporariamente no Centro de Convenções e no Expresso Cidadão. A aquisição dos novos cartões ‘SIM’ será feita, em breve, através dos Centros de Referência Social (Cras) de cada bairro.  Ainda segundo a autarquia, os idosos que possuem direito à gratuidade, continuarão tendo acesso aos novos ônibus até que seja feita a troca dos cartões.

COMPARTILHAR